noticias714 Seja bem vindo ao nosso site Face Tv Brasil!

Brasil

A importância da humanização na prática da Enfermagem

O embasamento científico aliado ao tratamento humanizado de pacientes foi introduzido pela enfermeira inglesa Florence Nightingale, cuja data de nascimento, 12 de maio, marca o Dia Internacional da Enfermagem

Publicada em 08/05/24 às 10:30h - 23 visualizações

Bia Bueno


Compartilhe
Compartilhar a noticia A importância da humanização na prática da Enfermagem  Compartilhar a noticia A importância da humanização na prática da Enfermagem  Compartilhar a noticia A importância da humanização na prática da Enfermagem

Link da Notícia:

A importância da humanização na prática da Enfermagem
A importância da humanização na prática da Enfermagem

O embasamento científico aliado ao tratamento humanizado de pacientes foi introduzido pela enfermeira inglesa Florence Nightingale, cuja data de nascimento, 12 de maio, marca o Dia Internacional da Enfermagem

Os profissionais de enfermagem -enfermeiros, técnicos e auxiliares- estão presentes em todas as etapas do cuidado, desde a prevenção de doenças até o tratamento e reabilitação. Eles desempenham um papel fundamental na identificação precoce de condições de saúde, na realização de exames e na administração de medicamentos, por exemplo.  

Além de toda a bagagem de conhecimento técnico-científico para exercer um trabalho de qualidade, é preciso praticar uma Enfermagem humanizada. Oferecer um atendimento humanizado é um conceito que entende o paciente como um todo, respeitando as suas particularidades e não somente sua doença. Isso significa que é oferecida uma atenção integral a essa pessoa, enxergando-a como um ser biopsicossocial. 

“Estamos presentes em todas as fases da vida, desde o nascimento até a finitude. Sempre em parceria com todos os profissionais da equipe multidisciplinar. Nosso trabalho consiste numa equação bastante clara: aliamos os cuidados com embasamento científico sem perder a Humanização”, declara Michele Tavares de Oliveira, Enfermeira com mais de 25 anos de atuação na área da saúde e quase 20 anos na gestão de equipes, responsável pela equipe multidisciplinar da YUNA.  

Humanização na Enfermagem

O conceito de humanização na enfermagem ultrapassa a assistência e as intervenções clínicas em si. Ele demanda uma visão holística do paciente e dos seus aspectos individuais, por meio de uma assistência global e voltado à integralidade do indivíduo enquanto ser humano. 

É fundamental levar em conta a queixa do paciente, o que ele está sentindo, seus medos, crenças, estilo de vida e outros fatores que vão contribuir para um cuidado mais personalizado.

Ter essa postura é importante porque o paciente geralmente chega fragilizado no ambiente hospitalar, sem saber qual será a abordagem ou como será o contato com os profissionais. Diante disso, o melhor a fazer é ampará-lo, além de seus familiares e acompanhantes.

O lado humano do profissional: enfermeira Michele Tavares de Oliveira

“É muito desafiador trabalhar com a enfermagem. Humano cuidando de outro humano, que possuem sentimentos, tristezas, alegrias, medos e, mesmo assim, tem que entregar um carinho em cada toque, em cada procedimento ou situação dolorosa. Somos inundados diariamente por pacientes que nos fazem refletir sobre questões da nossa própria vida, porém, o sentimento que nos acompanha diariamente é de gratidão por poder participar de momentos tão especiais ou desafiadores”, declara a responsável pela equipe multidisciplinar da YUNA. 

De acordo com a enfermeira, diante desses desafios, muitas vezes os profissionais negligenciam sua própria saúde, trabalhando em mais de um local para conseguiram realizar seus sonhos, por exemplo. 

Caso marcante na profissão

A enfermeira Michele de Oliveira, trabalha na área de saúde há 28 anos, sendo 24 deles dedicados à Enfermagem. No início da carreira, trabalhou durante muitos anos em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), onde pôde vivenciar momentos marcantes. 

Michele relata o caso de um paciente relativamente jovem com uma doença degenerativa (ELA – Esclerose Lateral Amiotrófica) que o levou a limitação total, respirando com ajuda de aparelhos e se alimentando por sonda, sem movimentação de nenhum membro e ligado a um respirador. Mantinha-se totalmente lúcido e consciente. 

“Ele manifestou o desejo de oficializar a união com sua esposa, uma vez que já tinham dois filhos adolescentes. Quando recebemos este pedido, nós da enfermagem em parceria com o serviço social e toda a equipe multidisciplinar, preparamos o casamento, ali, no leito de uma UTI, como uma surpresa para a esposa. Me lembro com os olhos marejados daquele dia, quanta vida vimos ali e quanta gratidão eu senti por ter feito a melhor escolha profissional. Após uma semana do evento, nosso paciente descansou. Seguimos com o sentimento de dever cumprido. É sobre isso, a enfermagem é ciência mais também é amor, respeito e dedicação. Estamos presentes do início ao fim da vida”, conclui a enfermeira.  

Sobre a YUNA

A YUNA, especializada em transição de cuidados, oferece suporte completo para pacientes de reabilitação, cuidados paliativos e continuados, atendimento individualizado e assistência transdisciplinar. Mais informações no telefone (11) 3087-3800 ou no site https://yuna.com.br/.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (14)92000-2327

Visitas: 40718
Usuários Online: 30
Copyright (c) 2024 - Face Tv Brasil
Converse conosco pelo Whatsapp!