noticias Seja bem vindo ao nosso site Face Tv Brasil!

Brasil

Projeto qualifica mulheres do sistema prisional para o setor têxtil

Publicada em 07/11/23 às 19:31h - 28 visualizações

Face Tv Brasil


Compartilhe
Compartilhar a noticia Projeto qualifica mulheres do sistema prisional para o setor têxtil  Compartilhar a noticia Projeto qualifica mulheres do sistema prisional para o setor têxtil  Compartilhar a noticia Projeto qualifica mulheres do sistema prisional para o setor têxtil

Link da Notícia:

Projeto qualifica mulheres do sistema prisional para o setor têxtil
 (Foto: Face Tv Brasil)

Pela primeira vez, o Movimento Eu Visto o Vem vai conseguir medir exatamente o impacto de suas ações na sociedade

No próximo dia 06 de novembro, o Instituto Movi o Bem, braço profissionalizante do Movimento Eu Visto o Bem, forma sua primeira turma com reeducandas. O projeto ofereceu uma formação psicossocial e capacitação técnica em costura para mulheres do sistema prisional em 10 meses, em colaboração com o SENAC e patrocínio do Instituto Lojas Renner, pilar social da varejista de moda que atua em prol da inclusão produtiva feminina.

Roberta Negrini, CEO e fundadora do Movimento, anuncia para essa ação uma parceria estratégica com o IDIS (Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social), que vai mensurar o impacto do programa nessas pessoas. De acordo com a especialista em inclusão social, “a colaboração marca um momento significativo na missão do projeto, oferecendo oportunidades de trabalho e reintegração para mulheres em situação de vulnerabilidade”.

O IDIS visa aplicar uma metodologia de avaliação inovadora para mensurar o impacto social e econômico do trabalho desenvolvido.

“No âmbito Negócios de Impacto, é muito difícil mensurar a influência que você causa na sociedade, seja especificamente social ou entrando na bandeira de sustentabilidade. É tudo muito etéreo. Por isso, foi o primeiro ano com acompanhamento do IDIS, para mensurar esse impacto. No final do projeto, teremos a devolutiva de quanto foi a evolução de uma mulher. Por exemplo, ela tinha uma situação X e, após ser qualificada pelo programa, ela se torna uma mulher economicamente ativa e passa a ter o valor Y na sociedade. Isso é muito poderoso. Depois de muitos anos, é a primeira vez que a gente consegue fazer essa medição.”

O IDIS, com a missão de inspirar, apoiar e ampliar o investimento social privado e seu impacto, trabalha em parceria com indivíduos, famílias, empresas e organizações da sociedade civil, oferecendo consultoria a investidores sociais, fortalecendo a sociedade com projetos e gerando conhecimento.

Segundo Roberta, o propósito é gerar emprego, renda e acesso a condições dignas de atuação para mulheres do sistema prisional que buscam uma segunda chance na sociedade por meio do trabalho. “Queremos convidar a comunidade, o mercado corporativo e as marcas de moda que acreditam que suas escolhas de métodos de produção podem ser um mecanismo eficiente para transformar a nossa economia em um modelo mais justo e melhor”, pontua.

Roberta Negrini, que possui vasta experiência na indústria da moda e beleza, tem se destacado na implementação de práticas de negócios de impacto e sustentabilidade no Brasil. Além de sua atuação como CEO e fundadora do Movimento Eu Visto o Bem, Negrini também é vice-presidente de Inclusão e Diversidade no Sport Club do Recife.

“Esse encontro com o IDIS representa um passo importante para avaliar e reconhecer o alcance transformador do instituto na vida das reeducandas, estabelecendo um modelo para mensuração de resultados e avanços concretos na inclusão social e econômica”, conclui.

Serviços:
Data: 06 de novembro de 2023
Hora: 13h30 a 18h
Local: Instituto Ação Pela Paz – R. Nestor Pestana, 101, São Paulo/SP

Credenciamento para a imprensa:
Para os profissionais de imprensa que desejam se credenciar para o evento, basta mandar nome, veículo, e CPF para:
carolina@carolinalara.com.br ou por mensagem no WhatsApp +55 11 99140-9229.

Sobre Roberta Negrini

Roberta Negrini é figura influente nos setores da moda, inclusão social e negócios de impacto. Com uma sólida trajetória como CEO e fundadora do Movimento Eu Visto o Bem, ela se destaca enquanto líder comprometida com a ressignificação da indústria têxtil, buscando oportunidades de trabalho e reintegração para mulheres em situação de vulnerabilidade. Sua experiência abrange a inovação na moda e na indústria de beleza e a promoção ativa da inclusão e diversidade, evidenciada por seu papel como vice-presidente no Sport Club do Recife. A especialista é reconhecida por seu pioneirismo em práticas de negócios sustentáveis e seu empenho em promover mudanças significativas na sociedade por meio de ações e projetos em prol da inclusão social e econômica.

Acompanhe mais no Instagram do @movimentoeuvistoobem.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (14)92000-2327

Visitas: 23687
Usuários Online: 7
Copyright (c) 2024 - Face Tv Brasil
Converse conosco pelo Whatsapp!