noticias Seja bem vindo ao nosso site Face Tv Brasil!

Brasil

Parque Bondinho Pão de Açúcar é um dos parques mais visitados do Brasil e do mundo

Publicada em 29/09/23 às 19:22h - 40 visualizações

Face Tv Brasil


Compartilhe
Compartilhar a noticia Parque Bondinho Pão de Açúcar é um dos parques mais visitados do Brasil e do mundo  Compartilhar a noticia Parque Bondinho Pão de Açúcar é um dos parques mais visitados do Brasil e do mundo  Compartilhar a noticia Parque Bondinho Pão de Açúcar é um dos parques mais visitados do Brasil e do mundo

Link da Notícia:

Parque Bondinho Pão de Açúcar é um dos parques mais visitados do Brasil e do mundo
 (Foto: Face Tv Brasil)

Parque oferece experiências inesquecíveis, além da melhor vista do Rio de Janeiro

Todos os anos, cerca de 1,6 milhão de visitantes passam por um dos parques mais visitados do país e do mundo: o Parque Bondinho Pão de Açúcar, que tem entre um dos principais atrativos o teleférico mais antigo em funcionamento do mundo. No parque turístico, o visitante desfruta de um conjunto de variadas atrações que tornam a experiência inesquecível.

O Parque Bondinho Pão de Açúcar já recebeu aproximadamente 50 milhões de visitantes em 110 anos de história e funcionamento. O trecho inicial liga a Praia Vermelha ao Morro da Urca, numa extensão de 528 metros, a 227 metros de altura. Outros 750 metros separam o Morro da Urca do Pão de Açúcar, sendo o ponto mais alto, com 396 metros acima do nível do mar.

HISTÓRIA DO PARQUE BONDINHO PÃO DE AÇÚCAR

Inaugurado em 27 de outubro de 1912, por Augusto Ferreira Ramos, o Parque Bondinho Pão de Açúcar inseriu o Rio de Janeiro no roteiro das grandes atrações turísticas mundiais. O segundo trecho, que liga o Morro da Urca ao Pão de Açúcar, entrou em funcionamento poucos meses depois, em 18 de janeiro de 1913.

Em 1962, o engenheiro Cristóvão Leite de Castro assumiu a direção da empresa e foi o responsável pela modernização das estações e pelo investimento na implementação do novo sistema do teleférico do parque, ocorrido em 1972.

Em 2008, foram instaladas as novas cabines do Parque Bondinho Pão de Açúcar, fabricadas na Suíça, com decoração interna e painel de controle mais modernos, pintura externa diferenciada, e, principalmente, estrutura com melhorias de segurança

Em junho de 2021, em um processo de manutenção preventiva e evolutiva, foram trocadas as polias originais do teleférico de 1972. Em um planejamento desafiador, considerando todas as etapas do processo, desde a importação até a troca efetiva das polias. As polias foram importadas da Itália, chegaram de navio e foram transportadas até o Morro da Urca pelo sistema teleférico. Este foi um momento emblemático na história do Parque Bondinho, pela grandiosidade da operação. Para realizar a troca, a operação contou com uma equipe multidisciplinar de 50 pessoas, entre funcionários próprios e terceiros. A operação envolveu a retirada das polias antigas, que pesam cerca de 7 toneladas e o posicionamento das polias novas, de 10 toneladas.

ESTAÇÃO MORRO DA URCA

No primeiro desembarque, o visitante chega à Praça dos Bondes, local onde estão expostos bondinhos de gerações anteriores, de 1912 e 1972. Além dos antigos teleféricos, o público pode conferir duas esculturas de bronze, em tamanho real, dos responsáveis pela idealização e implantação de cada um deles, Augusto Ferreira Ramos e Cristóvão Leite de Castro. À direita está a Via Verde, caminho suspenso que circunda uma das faces do Morro da Urca e é um excelente ponto de observação da fauna e da flora locais.

Seguindo em direção à estação que leva ao Pão de Açúcar, o visitante encontra o Anfiteatro, espaço onde acontecem, ao longo do ano, eventos para todos os públicos, e o Espaço de Memória Cocuruto, no qual é possível fazer uma viagem ao passado. Toda a trajetória do Parque Bondinho Pão de Açúcar é contada de forma interativa em uma fusão entre história e modernidade. O espaço de memória é aberto a todos os visitantes.

No Morro da Urca, também há opções de lojas, restaurantes e lanchonetes, além de um serviço de voos de helicóptero oferecido por empresa terceirizada.

ESTAÇÃO PÃO DE AÇUCAR

A 396 metros acima do nível do mar, no segundo desembarque, o Parque Bondinho Pão de Açúcar oferece uma vista ainda mais deslumbrante do Rio de Janeiro, onde é possível contabilizar mais de 20 praias do Rio e de Niterói. Além da orla da Zona Sul, é possível contemplar a Pedra da Gávea, o Maciço da Tijuca e o Corcovado, com a imagem do Cristo Redentor. Do alto do Pão de Açúcar, que é o ponto mais alto do passeio, também se tem uma visão impressionante da Baía de Guanabara, da Enseada de Botafogo, do Centro da cidade, do Aeroporto Santos Dumont, do bairro da Ilha do Governador, de Niterói e, ao fundo, a Serra do Mar, com o pico do Dedo de Deus, em dias de boa visibilidade.

Para dar mais conforto aos visitantes, esta parte já passou por reformas. Entre os espaços que valem uma parada está o Mirante dos 400, de onde é possível apreciar as orlas do Leme e de Copacabana. Para os admiradores da natureza, um passeio pelo bosque pode ser uma oportunidade de ver espécies nativas de Mata Atlântica, entre elas, lindas bromélias. O local também possui opções de lojas e restaurantes, para completar a experiência do visitante.

VISITANTES ILUSTRES

Albert Einstein é um dos visitantes ilustres que já passaram pelo Parque Bondinho Pão de Açúcar. Além dele, nomes como Bob Marley, John Kennedy, Tina Turner, Robert de Niro, príncipe Harry, Natalie Portman e Malala apreciaram a inesquecível experiência no parque.

Imortalizado no cinema, na literatura e na música, o Parque Bondinho Pão de Açúcar foi cenário do filme “007 Contra o Foguete da Morte”, de 1979, no qual o agente secreto britânico James Bond (interpretado pelo ator Roger Moore) derrota seu famoso inimigo Dentes de Aço. Em uma das sequências mais eletrizantes do longa, James Bond se equilibra, a mais de 500 metros de altura, nos cabos de aço do teleférico do parque.

Desde a década de 1940, o Morro da Urca é um ponto de encontro e de muita música. O primeiro espaço de shows do Morro da Urca recebeu o nome de Concha Verde, em 1977, e recebeu artistas como Gal Gosta, Caetano Veloso, Gilberto Gil e Ney Matogrosso. Além deles, o público viu surgir grandes nomes da MPB e do rock nacional, como Paralamas do Sucesso, RPM e Cazuza, que fez seu primeiro show da carreira no Parque Bondinho Pão de Açúcar.

Em 1978, Tim Maia protagonizou uma história engraçada no parque. Com medo de altura, o músico fez de tudo para não subir de bondinho e pediu seu cachê em moedas. O pedido acabou sendo atendido, e Tim fez um show memorável no Morro da Urca. No mesmo ano, com Dancin’ Days, o Parque Bondinho Pão de Açúcar marcou época com atrações como Frenéticas e DJ Dom Pepe.

Além dos principais nomes da música brasileira, já passaram pelo Parque Bondinho Pão de Açúcar atrações internacionais, como Bob Marley, Rod Stewart e Elton John.

Desde o Concha Verde, o tradicional palco do Parque Bondinho Pão de Açúcar recebeu eventos como o Noites Cariocas e até hoje é um polo de entretenimento na cidade, sediando diversos festivais de música. Em 2020, o parque também foi palco de algumas lives, como a live do Zeca Pagodinho em comemoração ao Dia dos Pais e em 2022 recebeu o retorno do TIM Music Noites Cariocas com shows dos Paralamas do Sucesso, Ney Matogrosso, Diogo Nogueira, Baby do Brasil e Pepeu Gomes entre outros nomes.

PROGRAMAÇÃO E PASSEIOS

Para relembrar um pouco da história do Parque Bondinho e mostrar as curiosidades dos seus bastidores, o parque oferece aos visitantes três visitas guiadas. O Tour Histórico é um passeio pela história e curiosidades do Rio de Janeiro e apresenta os detalhes e os desafios que envolveram a construção do teleférico. No Tour Bastidores, o visitante tem acesso ao backstage de toda estrutura do parque e conhece seu maquinário. Já no Tour Ecológico, o público tem a chance de aprender sobre a relevância da fauna e flora locais para o ecossistema, além de conhecer os projetos de conservação ambiental e iniciativas sustentáveis desenvolvidas pelo Parque Bondinho Pão de Açúcar. Os passeios são bilíngues (português/inglês), com 1h de duração.

O parque tem ainda duas outras experiências para tornar o passeio mais exclusivo e confortável: o Bonde Exclusivo e o Bilhete Acesso Rápido. Com o primeiro serviço, voltado para grupos fechados, os visitantes têm exclusividade no transporte e na visitação. Já com o segundo, é possível usar o Lounge VIP e embarcar com prioridade em todas as estações.

Como novidade para tornar o passeio ainda mais completo, o Parque inaugurou, em 2022, o Circuito Histórico dos Mirantes, em parceria com Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). A iniciativa oferecida gratuitamente para os visitantes conta com placas

informativas e conteúdos complementares em cada um dos 14 mirantes situados na Praia Vermelha, Morro da Urca e Pão de Açúcar. Todas as informações estão disponíveis em português, inglês, espanhol e braile e o conteúdo complementar pode ser acessado em formato de audioguide, através de QRcodes. O projeto traz ainda uma experiência rara no Brasil: os circuitos de interpretação da paisagem, com contextualizações históricas das vistas do parque.

Além disso, para o início das comemorações dos 110 anos, o Parque Bondinho está preparando para 2022 uma série de iniciativas que vão reforçar a sua imagem como uma plataforma de experiências que alia sustentabilidade, turismo, entretenimento e mídia. Ainda no campo de planejamento e com previsão de inauguração em novembro deste ano, a tirolesa, será a nova atração do parque. O projeto vai ligar o Pão de Açúcar e o Morro da Urca, promovendo muita emoção e aventura, em 755m de extensão, com quatro linhas de descida e chegando a uma velocidade de 100km/h. O tempo médio de descida é de 40 a 50 segundos.

SUSTENTABILIDADE E MEIO AMBIENTE

Localizado em uma Unidade de Conservação da Natureza, o Parque Bondinho Pão de Açúcar tem um grande compromisso com ações sustentáveis respeitosas de preservação da fauna e flora locais, além de trazer, ao longo dos anos, para o planejamento de sustentabilidade do negócio a implantação das políticas de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas – ODS.

Em 2018, o parque recebeu a renovação da certificação GEN – Global Ecolabelling Network -, uma rede global de Identificação Ecológica composta por 27 organizações de rótulo ecológico em todo o mundo e representada no Brasil pela ABNT. O Parque ainda se manteve como única atração turística no mundo a obter o título. A empresa realiza diversas iniciativas em prol da sustentabilidade, como, por exemplo, a gestão dos resíduos sólidos oriundos da visitação. Eles são transformados em matéria-prima e adubo, que é utilizado para o enriquecimento da flora dos morros da Urca e do Pão de Açúcar e doado para a horta orgânica da Escola Municipal Gabriela Mistral localizada aos pés do Morro da Urca. Essa central de resíduos também destinou em 2019 48 toneladas de material reciclado, que foram encaminhados para a indústria.

A empresa desenvolve também um importante trabalho de conservação e recuperação da pista Claudio Coutinho e da Trilha do Morro da Urca. Em uma parceria público privada, o Parque Bondinho Pão de Açúcar realiza um trabalho de recuperação da biodiversidade, em uma área total de 40 mil m² de áreas verdes no Monumento Natural dos morros Pão de Açúcar e da Urca, através do manejo das espécies exóticas e reintrodução das espécies nativas da Mata Atlântica. Com a estufa, o parque também realiza os serviços de triagem, propagação e produção de mudas.

Outra iniciativa em alinhamento com o desenvolvimento sustentável apoiada pelo Parque Bondinho Pão de Açúcar é o Santuário Marinho da Praia Vermelha, idealizado pelo Projeto Verde Mar. Com a inauguração do Santuário, a cidade do Rio de Janeiro ganhou um espaço para valorizar e tornar conhecida a biodiversidade marinha e alertar para os riscos do impacto humano nesta região. O apoio do Parque Bondinho Pão de Açúcar visa contribuir com a realização de ações previstas para a manutenção e preservação da biodiversidade da área, que abriga grande diversidade de espécies, incluindo algumas ameaçadas de extinção.

Com a proposta de levar mais arte e conscientização ambiental aos visitantes, o Parque Bondinho Pão de Açúcar inaugurou em setembro de 2021 os painéis Fauna e Flora. Desenvolvidas pelas mãos do artista Bruno Big, conhecido pelos seus traços únicos e famoso pelo intenso colorido de suas pinturas, as artes trazem uma homenagem do carioca às espécies presentes e preservadas no parque. Os painéis foram realizados em três das quatro estações de embarque e desembarque do teleférico, sendo duas no Morro da Urca e uma no Pão de Açúcar. No total, são 750 m² de paredes pintadas ao ar livre.

No que se refere a energia, o Parque Bondinho Pão de Açúcar entrou no mercado livre de energia, em 2021, garantindo a contratação de kilowatts provenientes de energias renováveis, para garantir o funcionamento de toda a estrutura do parque. A iniciativa ainda contribui com a redução das emissões de carbono e se junta a outros projetos do parque que visam a gestão de energia, como o sistema regenerativo elétrico dos bondes, através do qual, os bondes são movidos a partir do sistema de contrapeso dos teleféricos.

No primeiro semestre de 2022, o Parque Bondinho deu início à implementação de um processo de neutralização de carbono. A iniciativa é inédita no parque e visa minimizar o impacto dos gases produzidos pela operação. A partir desse mapeamento, também é realizada uma gestão das emissões, onde são identificadas áreas em que podem ser feitas melhorias.

EDUCA BONDINHO

O projeto educativo-socioambiental Educa Bondinho recebe turmas da educação infantil ao ensino médio de escolas públicas e particulares e transforma o Parque Bondinho Pão de Açúcar em uma sala de aula ao ar livre. O programa estimula os alunos de forma divertida, com temas ligados a Ciências, Biologia, Geografia e História. E vai além da educação ambiental, oferecendo a oportunidade de escolas e professores trabalharem um método educativo de vivência.

O programa já atendeu mais de 800 escolas, de 60 cidades diferentes, e 57 mil alunos e professores desde 2015. E já recebeu, inclusive, visitas internacionais. O Educa Bondinho é também um projeto de inclusão social e já recebeu mais de 200 alunos com deficiência.

Durante a experiência, os monitores estimulam os alunos a partir de vários aspectos da fauna e flora da Mata Atlântica. Também abordam temas como a poluição da Baía de Guanabara, urbanização, conservação de áreas verdes e energia renovável. A visita trabalha ainda questões históricas e geográficas, como a fundação da cidade e a paisagem carioca.

Para o projeto, foram criadas quatro cartilhas, com conteúdos voltados para alunos do ensino infantil, fundamental I, fundamental II e médio, que ajudam a consolidar o aprendizado adquirido durante a visita.

Devido aos protocolos de segurança sanitária de prevenção e combate à Covid-19, o projeto teve as atividades temporariamente suspensas nos anos de 2020 e 2021, mas, para 2022, o parque tem como objetivo dobrar o número de escolas atendidas pelo projeto.

SÍMBOLO DE ESPORTES RADICAIS

A construção das estações e a instalação do teleférico tiveram início em 1909 e só foram possíveis por conta do montanhismo, já que, naquela época, todo o material era levado por operários.

Até hoje, o Pão de Açúcar é um dos morros mais escalados do Brasil. E a primeira pessoa a realizar tal façanha foi uma mulher, a inglesa Henrietta Carstairs, em 1817. Desde então, o conjunto de morros onde está localizado o Parque Bondinho Pão de Açúcar continua sendo um paraíso para os aventureiros. Em 1977, o equilibrista americano Steven McPeak fez a travessia entre o Morro da Urca e o Pão de Açúcar caminhando pelo cabo do teleférico. Em 1967, os irmãos motociclistas e malabaristas alemães Brueder também percorreram os cabos – um montado em uma moto e o outro pendurado, fazendo o contrapeso.

ACESSIBILIDADE

Como espaço de inclusão e preservação, todas as áreas do Parque Bondinho Pão de Açúcar são totalmente acessíveis para deficientes físicos e pessoas com mobilidade reduzida. Elevadores conduzem os visitantes para todos os mirantes e rampas, e os banheiros também são adaptados. O parque conta o Plano Inclinado, mais uma inovação em acessibilidade. Todos os visitantes com algum tipo de deficiência física são sempre plenamente atendidos no Parque Bondinho Pão de Açúcar.

NOVA POSICIONAMENTO E VISÃO DE FUTURO

O Parque Bondinho Pão de Açúcar vai muito além de uma atração turística. Em março de 2022, o parque realizou um reposicionamento com o lançamento de uma nova marca, com tom vibrante, alto astral e trazendo a leveza do carioca e seu contato com a natureza. Com essa nova marca, o Parque também apresenta sua nova nomenclatura: “Parque Bondinho Pão de Açúcar”. A mudança, que insere a palavra ‘parque’ ao nome, tem o intuito de reforçar o seu potencial de proporcionar experiências únicas e inspirar felicidade aos visitantes em todo o seu espaço, mostrando que a vivência vai além dos passeios de bonde.

Além disso, o Parque tem como visão para o ano de 2025, atender um público diverso e plural, de maneira cada vez mais sustentável e responsável, sendo a mais completa e inovadora plataforma integrada de experiências sustentáveis de turismo, entretenimento e mídia da América Do Sul, dando continuidade ao legado de pioneirismo do projeto original e fazendo-o se refletir até os dias de hoje.

PLATAFORMA DE MÍDIA E ENTRETENIMENTO

Com sua vista exuberante da Cidade Maravilhosa, o Parque Bondinho Pão de Açúcar é um verdadeiro camarote da cidade. E vai muito além de um cartão-postal. Totalmente acessível e modernizado, o Parque possui infraestrutura para receber eventos de todo porte e apresenta uma atmosfera que torna qualquer evento único e especial.

Além do potencial turístico, cultural e de entretenimento, o Parque oferece diversas possibilidades de ações de mídia, dando visibilidade às marcas parceiras. Inspirados pela experiência de estarem em um local privilegiado, os visitantes são impactados da melhor maneira pelas oportunidades de mídia e ativação de marca.

Entre as novas iniciativas está a abertura de oportunidade de patrocínio para marcas poderem se conectar com toda essa nova atmosfera, como foi o caso da refinaria Refit, que se tornou a primeira patrocinadora oficial do Parque Bondinho. Já entre os exemplos de experiências únicas já proporcionadas em parcerias, estão a ação realizada pela Aperol, que montou um bar exclusivo dentro de um bonde de 1972, o Aperol Spritz Sunset Bar, com drinks especiais para os turistas durante o verão carioca; a parceria com a Livelo, que lançou seu primeiro ponto físico do Rio de Janeiro no Parque Bondinho, proporcionando aos seus clientes o acúmulo e regaste de pontos na compra de ingressos para o Parque; e a Granado que está presente em todos os banheiros do Parque.

INOVAÇÃOE FUTURO

O Parque Bondinho também se planejou na área de tecnologia para suportar e acelerar o crescimento desenhado na visão de negócios para 2025. Para isso, lançou um laboratório de startups para impulsionar iniciativas voltadas aos setores de turismo, entretenimento e mídia. A proposta, pioneira e alinhada com os valores do Parque Bondinho Pão de Açúcar, vai acelerar startups por meio de uma parceria com a gestora de fundos de startups MSW, propondo novas soluções e inovações aos setores em uma iniciativa totalmente inovadora no mercado do turismo brasileiro.

Para corroborar ainda mais com esse desenvolvimento tecnológico, o Parque Bondinho também adquiriu no fim de 2021, uma agência de viagens nativa digital, a C2Rio. Além do conhecimento de mercado e de ambiente digital dessa agência, o Parque também adquiriu um marketplace de destinos e uma plataforma de gestão de vendas multicanal direcionada ao atendimento do mercado turístico, abrindo sua atuação no mercado B2B. Essas 3 operações agora formam um grupo denominado TAH – Travel Activities Holding.

Com essas novas operações, o Parque Bondinho anunciou a criação da holding Iter, que englobará o próprio parque, as empresas integrantes da TAH, uma administradora de parques e, em breve, novas operações.

SERVIÇO – PARQUE BONDINHO PÃO DE AÇÚCAR:

Endereço: Av. Pasteur, 520 – Urca

Horário de funcionamento:

Todos os dias, das 8h30 às 20h (com o último embarque às 18h30)

Valor dos ingressos:

Bilhete Bondinho: R$ 160,00 (inteira) / R$ 80,00 (meia) Bilhete Bondinho Promo Brasil*: R$ 140,00

Bilhete Carioca Maravilha**: R$ 80,00 (adulto) / R$ 40,00 (criança de 3 a 12 anos) Bilhete Acesso Rápido: R$ 260,00 (inteira) / R$ 130,00 (meia)

Para a visita, a orientação é adquirir o bilhete antecipadamente no site. Todas as informações estão disponíveis no perfil oficial do Parque Bondinho no Instagram (@parquebondinho) ou no site oficial do Parque Bondinho.

*O bilhete Bondinho Promo Brasil é um bilhete promocional para adultos brasileiros e não é cumulativo com outros descontos. A meia entrada sai por R$ 80,00.

**Abrangência de municípios do Grande Rio para promoção Carioca Maravilha: Belford Roxo, Duque de Caxias, Guapimirim, Itaboraí, Itaguaí, Japeri, Magé, Maricá, Mesquita, Nilópolis, Niterói, Nova Iguaçu, Paracambi, Queimados, São Gonçalo, São João de Meriti, Seropédica e Tanguá, Petrópolis, Cachoeira de Macacu e Rio Bonito.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (14)92000-2327

Visitas: 23650
Usuários Online: 17
Copyright (c) 2024 - Face Tv Brasil
Converse conosco pelo Whatsapp!